Goverdo do Estado do Piauí

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

PMDB, PSDB e G12 ocuparão cargos do PT no governo do Estado

O governador Wilson Martins (PSB) dedicará o mês de dezembro à reformulação do secretariado. Muitos secretários sairão para disputar cargos em 2014. Além disso, os gestores indicados pelo PT deixarão o governo definitivamente. Estão escalados para substituir o PT alguns partidos que compõem a base, integrantes do G12, além do PMDB, que é partido do futuro governador Zé Filho. 
 
Fotos: Raoni Barbosa / Revista Cidade Verde
A surpresa fica por conta da presença do PSDB. "Entram os partidos que dão sustentação ao governo. Wilson Martins vai sair para senador. Entram PMDB, PSDB e os outros partidos", comentou o deputado João Madison (PMDB). 
Ainda segundo o deputado, os pmdbistas assumirão o Palácio de Karnak, com a saída de Martins para disputar o Senado com o espírito de dar continuidade às obras que foram iniciadas. "O PMDB vai dar continuidade a esse grande trabalho que o governador tem feito. Temos que ter muita cautela para que a gente não tenha problema de continuidade dessas obras que estão aí. Mas isso tem que ser conversado com o governador. Acredito que ele esteja conversando com os partidos", afirmou.
Madison negou que a candidatura de Zé Filho (PMDB) ao governo não seja prioridade para o diretório nacional. O vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), deu garantias disso.
Críticas a Wellington Dias
Sem se aprofundar nas críticas, o deputado comparou as administrações de Wilson Martins e Wellington Dias à frente do governo. Para Madison, Martins empreendeu muito mais investimentos em obras do que Dias. 
"Ele é o governador que mais investiu e tem investido em obras. O Zé Filho tem que trabalhar muito também é o Cerrado. Em termos de estrutura e de obras, não tenho dúvida que ele investiu mais do que Wellington. O governador Wellington Dias poderia ter feito mais porque o Lula era presidente da República. Acho que nesse aspecto não há dúvida de que o governador Wilson Martins investiu muito mais", disse.
 
Fonte: Leilane Nunes
leilanenunes@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário