Goverdo do Estado do Piauí

quarta-feira, 25 de janeiro de 2023

Rafael Fonteles se reunirá com Lula e governadores na próxima sexta (27)

O governador do Piauí, Rafael Fonteles, irá a Brasília para participar da reunião do Fórum dos Governadores do Brasil com o presidente Lula, na sexta-feira (27/01). No encontro, serão discutidas obras paralisadas e questões fiscais que têm impactado negativamente no orçamento dos estados.

Com as leis complementares 192 e 194, que limitam a cobrança do ICMS de combustíveis pelos estados, o Piauí calculou uma perda de mais de um bilhão de reais. “É um valor significativo e que traz muitos prejuízos, afinal, não existem políticas públicas que possam ser feitas sem dinheiro”, disse o governador do Piauí.

Rafael Fonteles pontuou que serão discutidas possíveis soluções para esse abalo nas receitas dos estados. O acordo com o Supremo Tribunal Federal (STF), conduzido pelo ministro Gilmar Mendes; a compensação direta da União para os estados, especialmente nas áreas da educação e da saúde; a questão do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI); a divisão mais igualitária dos royalties do petróleo, não beneficiando apenas os estados produtores dele; a reforma tributária e o novo pacto federativo. “Todas essas pautas, que envolvem questões fiscais, financeiras e tributárias, podem beneficiar os estados”, frisou.

Agenda em Brasília começa na quinta-feira (26)

Antes de se reunir com governadores e o presidente Lula, Rafael Fonteles participa de audiências e reuniões, nesta quinta-feira (26/01), em Brasília.

Às 11h, haverá uma reunião com conselheiros do Comsefaz (Comitê Nacional de Secretários de Fazenda). Logo após, às 14h, o governador do Piauí se encontra com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Às 15h, participa de nova audiência, desta vez com o presidente da Embratur (Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo), Marcelo Freixo.

Para encerrar a agenda do dia, às 17h, o governador participa da reunião preparatória do Fórum dos Governadores do Brasil, que irá alinhar as pautas que serão discutidas na reunião com o presidente Lula.


Fonte: Governo do Estado/180 graus

Nenhum comentário:

Postar um comentário