Goverdo do Estado do Piauí

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

PM tirará 500 policiais de atividades administrativas e colocará nas ruas

Mais de 500 policiais militares sairão das atividades administrativas que ocupam para reforçar o policiamento ostensivo nas ruas do centro comercial de Teresina. O anúncio foi feito pelo coronel Alberto Menezes, comandante de policiamento da capital, que anunciou que a medida será adotada a partir desta sexta-feira, como parte da operação “Natal e Ano Novo Seguro”. Os policiais ficarão reforçando o policiamento ostensivo até o dia 2 de janeiro.Foto: Ccom/Thiago Amaral.Segundo o comandante, o reforço será adquirido por policiais que exercem as funções de segurança em órgãos públicos. “Não haverá prejuízos porque órgãos como Assembleia Legislativa, Câmara Municipal estarão de recesso nesse período. Então, os policiais que estão lotados nesses locais e na parte burocrática serão deslocados para fazer o policiamento no centro nesse período, garantindo maior segurança à população”, pontuou, lembrando que foi feita uma escala de revezamento que irá incluir todos os dias da semana e turnos alternados.O policiamento será reforçado tanto com homens a pé, quanto de motos e em montaria, ou seja, a cavalo. O comandante anunciou ainda que o helicóptero da Polícia também estará de prontidão para atender possíveis ocorrências. Com o reforço policial, mais de mil policiais militares estarão reforçando a segurança na cidade durante esse período.A idéia é evitar roubos e furtos que costumam aumentar nesse período em que há um maior volume de pessoas. Nesse período, as pessoas recebem os salários e também o décimo terceiro e costumam comprar presentes para as festividades de fim de ano. “É importante frisar que esses policiais não estarão apenas no Centro, mas também em outras áreas comerciais espalhadas nas zonas Sul, Sudeste, Leste e Norte da cidade”, comentou.Alberto Menezes ressaltou que as pessoas precisam estar mais atentas nesse período para evitar serem futuras vítimas das ações de bandidos. “A gente orienta que as pessoas evitem fazer as compras todas em um único dia. Dessa forma, levarão menos dinheiro e transportarão menos sacolas, o que não chamará tanta atenção de bandidos. Idosos também devem evitar irem às compras sozinhos, porque eles estão mais vulneráveis”, orientou. 

Repórter: Mayara Martins - Portal O Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário