sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Pai procura filha desaparecida há seis dias em Picos

O aposentado Raimundo Nonato Ferreira da Silva, 67, está em busca de sua filha, a jovem Raquel Oliveira da Silva, de apenas 18 anos, vista pela última vez às 17h da última sexta-feira, 13.
A família reside no bairro Parque de Exposição, periferia de Picos, e registrou o desaparecimento da jovem apenas ontem, 18. De acordo com o pai, ao sair de casa na tarde em que foi vista pela última vez, Raquel informou apenas que iria até o Geminiano, município vizinho à cidade de Picos – a pouco mais de 18 quilômetros.
O pai relata que esteve em contato com a filha por telefone. “Ela liga e diz que vai voltar, mas nunca volta”, conta. “Primeiro ela saiu e disse à mãe que iria ao Geminiano, depois ligou e disse que estava indo ao Centro [de Picos] e depois avisou que estava indo para o Ceará”, relata.

Em telefonemas com a família, a moça não quis revelar detalhes sobre o que estaria fazendo ou em companhia de quem. A família também não sabe como a garota teria chegado ao Ceará. “Eu acho que ela está em um cativeiro dizendo o que as pessoas querem”, pondera Raimundo Nonato.
O pai descreve a filha como uma moça tranquila, “sem envolvimento algum com a polícia, trabalhadora e muito querida por todos”. O pai também não acredita que o desaparecimento da jovem tenha relação com a prisão de outros dois filhos, atualmente recolhidos na Penitenciária José de Deus Barros.
A família descarta ainda que o sumiço de Raquel tenha motivos passionais e acredita que talvez a garota esteja com algum transtorno mental.
O último contato de Raquel com familiares foi feito por telefone às 18h da última terça-feira, 17.
A delegacia de Polícia Civil de Picos investiga o caso.


Fonte: Grande Picos

Nenhum comentário:

Postar um comentário