EBENET

EBENET
A sua melhor conexão

MP MOTO PEÇAS

MP MOTO PEÇAS

Dr.Batista

Dr.Batista

SALÃO 5 ESTRELAS

SALÃO 5 ESTRELAS

ÓPTICA LUZ

ÓPTICA LUZ
a luz dos seus olhos

terça-feira, 21 de abril de 2015

Governo e Universidade implantarão polo de desenvolvimento tecnológico em Picos

Governo e Universidade implantarão polo de desenvolvimento tecnológico em PicosO governador Wellington Dias (PT) afirmou que o Governo do Estado, a Universidade e o setor público estão atuando cada vez mais juntos. Ele informou que a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi) vai implantar um Polo de Desenvolvimento Tecnológico, em parceria com as Universidades Federal e Estadual do Piauí. Essa parceria permitiu a criação do Polo de Desenvolvimento Tecnológico em Parnaíba, no Dunnas Shopping.
Wellington autorizou o presidente da Fapepi, Francisco Guedes, e ao secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, José Neri Filho, o Nerinho, para a estruturação de uma representação dos Polos de Desenvolvimento Tecnológicos de Parnaíba e Picos.
“Eu me reuni com o ministro Mangabeira Unger e discutimos o Encontro dos Governadores do Nordeste no dia 8 de maio. Ele tem alertado que a saída do Brasil passa pelo Nordeste. Não é mais o Nordeste que precisa do Brasil, mas é o Brasil que precisa do Nordeste. Ele nos fez o desafio porque se o Brasil se desenvolve, isso é bom para o setor público e para o setor privado.
Ele nos faz refletir que precisamos nos acostumar com a quebra dos limites entre os Estados e trabalharmos com a perspectiva fazer no Nordeste uma parceria inédita. Sempre fizemos uma parceria com os deputados do Nordeste, mas nunca uma pactuação de todos os Estados do Nordeste com os 151 deputados federais e 27 senadores dentro do Congresso Nacional, com uma pauta para o Nordeste para não permitir que tenhamos medidas contra o Nordeste e aprovar tudo o que seja bom para o Nordeste. Esse é um caminho vitorioso.
Mangabeira Unger disse que o Nordeste tem que ser vanguarda e para ser vanguarda, o Nordeste tem que apostar em tecnologia. É isso que nós estamos fazendo acontecer no Piauí”, declarou Wellington.
Dias afirmou que no Piauí existem pessoas criativas, como o inventor de equipamento para desidratação do mel, que é vendido para todo o mundo, apesar de ter apenas o ensino médio como escolaridade.
Em Ipiranga do Piauí, um inventor criou uma máquina de quebrar castanha e um em Teresina desenvolveu uma máquina de quebrar e aproveitar todo o coco babaçu.

Fonte: Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário