EBENET

EBENET
A sua melhor conexão

MP MOTO PEÇAS

MP MOTO PEÇAS

Dr.Batista

Dr.Batista

SALÃO 5 ESTRELAS

SALÃO 5 ESTRELAS

ÓPTICA LUZ

ÓPTICA LUZ
a luz dos seus olhos

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Welligton Dias anuncia nome de oito secretários

clique para ver a foto em tamanho real  O governador eleito Wellington Dias (PT) anunciou nesta sexta-feira (5) parte da equipe que irá compor a administração estadual pelos próximos quatro anos. As secretarias que já têm nomes confirmados são: segurança, administração, planejamento e gestão econômica, fazenda, justiça, desenvolvimento rural, transportes e ainda a Procuradoria Geral do Estado.

Fábio Abreu, subcomandante do Batalhão de Rondas Ostensivas de Natureza Especial (BpRone), deputado federal eleito no Piauí, foi escolhido para comandar a Secretaria Estadual de Segurança.
Antonio Neto, auditor-fiscal e ex-secretário de fazenda durante a segunda gestão de Wellington Dias, foi novamente convidado a compor o primeiro escalão do governo. Antonio Neto ficará a frente da Secretaria Estadual de Planejamento e Gestão da Economia.
Para a Secretaria de Justiça o nome anunciado foi o do advogado Daniel Oliveira, que compôs a assessoria jurídica da campanha eleitoral de Wellington.  Francisco José, o Franzé, que também já compôs a equipe do petista na gestão anterior e integra a equipe de transição, volta ao governo como secretário de administração.
O economista Rafael Fontelles foi anunciado como secretário de fazenda e Guilhermano Pires para a Secretaria Estadual de Transportes. Na Secretaria de Desenvolvimento Rural assume Francisco Limma, eleito deputado estadual na última eleição.
Plínio Clerton, que já foi procurador geral do estado nas gestões anteriores de Wellington Dias, volta ao cargo pela terceira vez.
O suspense sobre quem deverá ocupar pastas importantes como as secretarias de saúde e educação continua. Segundo o governador eleito, os demais nomes que irão compor a sua gestão só serão divulgados na próxima semana. “São pessoas que têm um perfil técnico e que têm a minha confiança para cumprir as metas em cada área com responsabilidade. Vamos buscar adequações porque temos vários convênios e contratos. Queremos garantir que a relação do povo do Piauí com o governo federal não seja prejudicada”, disse Wellington.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário