EBENET

EBENET
A sua melhor conexão

MP MOTO PEÇAS

MP MOTO PEÇAS

Dr.Batista

Dr.Batista

SALÃO 5 ESTRELAS

SALÃO 5 ESTRELAS

ÓPTICA LUZ

ÓPTICA LUZ
a luz dos seus olhos

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Wellington Dias já teria apoio de 17 deputados na Assembleia

Wellington Dias já teria apoio de 17 deputados na AssembleiaApesar das movimentações dos aliados e partidos, Wellington Dias insiste que as negociações sobre apoios ficarão apenas para depois do segundo turno presidencial. O senador petista afirma que neste momento o foco é na campanha de reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT).
Porém, otimistas, os deputados que compõe a coligação de Wellington Dias (PT) fazem os cálculos e contabilizam que a base aliada do petista deve passar de 10 para 17 deputados. Se esse número se concretizar até o início do governo, Dias terá tranquilidade para negociar com a Casa e conseguir a aprovação de projetos de interesse do governo sem grandes conflitos com a oposição.
Além dos apoios já previstos de legendas como PTB, PR e PP, que estavam com Wellington desde a campanha, as previsões dos aliados do futuro governador apostam em parcerias com PTC, PRB, PSD e o PDT. Na oposição, Wellington terá o PSB, liderado pelo deputado Wilson Brandão, e por parte do PMDB. Nos corredores da Assembleia comentase que Wellington já iniciou conversas com alguns nomes peemedebistas.
A oposição também será composta pela bancada do PSDB na Assembleia Legislativa. De acordo com o presidente do diretório tucano no Estado, deputado Marden Meneses, não existem conversas com o PT. “Essas negociações sobre composição devem ficar somente para depois do segundo turno”, disse.
O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB), evita falar em acordos com Wellington Dias e afirma que o “povo colocou o PMDB na oposição”. “Nós fizemos a escolha de apoiar a campanha do governador Zé Filho à reeleição e a tendência é que continue assim. O governador não nos procurou e sabemos que neste momento ele vai priorizar quem o apoiou na campanha”, declarou.
Fonte: Portal O Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário