EBENET

EBENET
A sua melhor conexão

MP MOTO PEÇAS

MP MOTO PEÇAS

Dr.Batista

Dr.Batista

SALÃO 5 ESTRELAS

SALÃO 5 ESTRELAS

ÓPTICA LUZ

ÓPTICA LUZ
a luz dos seus olhos

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Câmara de Vereadores de Marcolândia-Piauí promove Audiência Pública para tratar da reabertura das fábricas de farinha


Foi realizada na manhã desta sexta-feira (27) no Plenário da Câmara Municipal de Vereadores da cidade de Marcolândia, uma “Audiência pública” com a finalidade de demonstrar e avaliar os prejuízos com o fechamento das fábricas de farinha para os trabalhadores e trabalhadoras da região.

O prefeito da cidade de Marcolândia, Francisco Pedro de Araújo “Chico Pitu”, relatou que: “Se vierem fechar as fábricas de novo nós fechamos a BR 316. Vamos se unir e buscar soluções junto ao governo do estado, ao governo federal. A solução tem que ser dada. Daqui vai sair um documento que dará rumo a esta luta” disse Chico Pitu.

Com a presença de prefeitos, deputados, vereadores, proprietários de casas de farinha e demais autoridades da região, foi realizada uma importante audiência pública na Câmara Municipal de Vereadores através de um requerimento do Deputado Estadual, Francisco Limma, na qual contou com a presença de autoridades dos estados do Ceará, Pernambuco e Piauí: Prefeito da cidade de Simões-PI, José Wilson de Carvalho “Zé Wlisses”, Prefeito da cidade de Caldeirão Grande do Piauí-PI, Vianney, Prefeito da cidade de Salitre-CE, Rondilson, Deputado Estadual-PI, Francisco Limma, Deputado do Estadual-PI, Pablo Santos, Deputado Estadual-PE, Antônio Fernando, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Marcolândia, EMATER, Associações, representantes de igrejas entre outros e teve como tema: Queremos trabalhar “Nós não somos escravos, trabalhamos porque queremos e precisamos”.

A audiência tratou sobre a reabertura das casas de farinha que é uma das principais fontes de renda das famílias da região.

Em seu discurso o Prefeito da cidade de Simões, José Wilson de Carvalho “Zé Wlisses” falou que veio a audiência em busca de soluções para regularizar a atual situação dos agricultores, para que assim possam continuar com a principal fonte de renda da região que é a mandiocultura.



O Prefeito da cidade de Salitre-CE, Rondilson, no uso de suas palavras falou que defende o trabalho da agricultura familiar e que as casas de farinha têm uma simbologia muito importante para o município e cidades circunvizinha. Sendo assim abraço essa causa que é de todos nós.


O Deputado Estadual, Francisco Limma que recebeu o Prefeito da cidade de Marcolândia, Francisco Pedro de Araújo “Chico Pitu” no dia 19 de setembro e entrou com um requerimento na assembleia legislativa na mesma data teve aprovação de 29 deputados, “Essa audiência pública foi aprovada por 29 dos 30 deputados da Assembleia. Essa reunião uniu lideranças de todos os segmentos envolvidos dos 03 Estados. Em curto prazo vamos fazer uma negociação com o Ministério Público do Trabalho e a superintendência do Ministério da Economia para suspender temporariamente enquanto articulamos planos para enfrentarmos a crise, e depois, vamos articular planos para resolver as solicitações feitas pelos órgãos. Estamos pedindo uma trégua de 120 dias enquanto buscamos soluções e o Governo do Estado vai organizar uma equipe e buscar as informações que solucionem o problema. Iremos envolver vários órgãos e a bancada Federal para tratar dessa questão, pois a lei é antiga e inadequada para as casas manuais de farinha que estão sendo comparadas às grandes indústrias”, explicou Limma.

Matérias relacionadas.






Fonte e Fotos:Blog Chagas Fotografias

quarta-feira, 25 de setembro de 2019

SIMÕES-PI | PROJETO BIMESTRAL DE LINGUAGEM – ESCOLA ESTADUAL JOSÉ BENTO DE CARVALHO FILHO.

O projeto teve o tema “ recorte das múltiplas possibilidades da linguagem”. O objetivo do projeto foi para provocar o aluno usar a linguagem de maneira eficaz para estabelecer canais de comunicação, no máximo possível de possibilidades, nos muitos segmentos sociais dos quais fazem parte desde a família, passando pela escola até as relações interpessoais e sociais.

A justificativa do projeto diz que o mundo precisa de pessoas com habilidades de comunicação bem desenvolvidas em prol do bem, da tolerância , do respeito para com as diversidades e as e individualidades, em fim dos valores tão caros a convivência em sociedade.

A linguagem é um mecanismo que faz parte da natureza do ser humano, que possui a necessidade natural de agrupar em sociedade a fim de realizar seus objetivos. Por isso, consciente de suas limitações, cada pessoa busca no outro a complementação de si mesma, e a linguagem é meio que permite essa aproximação entre as pessoas, por favorecer o pensar e o agir.

Na ausência da linguagem as pessoas não saberiam como entrar em contato uns com os outros, não teriam como estabelecer vínculos sociais e construir grupos em volta de interesses comuns.

A música é reconhecida por muitos pesquisadores como uma modalidade que desenvolve a mente humana, promove o equilíbrio, proporcionando um estado agradável bem-estar, facilitando a concentração e o desenvolvimento do raciocínio, em especial em questões reflexivas voltadas para o pensamento.

Houve apresentações de cordéis, recitação do poema trem de ferro, poema dramatizado Limerique, apresentação de danças, peça teatral em forma de cordel, música em inglês Eloyse, coral de música em inglês, apresentação de rap e jogral.

Fonte: Simões Online