EBENET

EBENET
A sua melhor conexão

MP MOTO PEÇAS

MP MOTO PEÇAS

Dr.Batista

Dr.Batista

SALÃO 5 ESTRELAS

SALÃO 5 ESTRELAS

ÓPTICA LUZ

ÓPTICA LUZ
a luz dos seus olhos

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Empresário morto foi monitorado por quadrilha para roubar R$ 21 mil

Empresário morto foi monitorado por quadrilha para roubar R$ 21 mil
O coordenador da Delegacia de Homicídios, delegado Francisco Baretta, informou que foi encontrado dentro do carro do empresário Leonardo César de Sousa Gonçalves, 37 anos, a quantia de R$ 21.984,40. Segundo a Polícia, o empresário estava sendo monitorado há dias pela quadrilha. A polícia acredita que o assalto iria ocorrer no município de Demerval Lobão (a 30 km de Teresina), onde o empresário também tem um depósito de gás e bebidas.
“Por volta das 14 horas o empresário estava em Demerval Lobão e às 19 horas retornava para Teresina e já estava próximo a sua residência, quando foi surpreendido com o anúncio do assalto. Leandro jogou o carro contra os assaltantes e o garupa, antes de cair, disparou contra ele. Dois disparos acertaram a vítima”, afirmou Baretta.
A polícia já identificou dois suspeitos: Francisco das Chagas de Oliveira Filho que está no Hospital de Urgências de Teresina (HUT) e teve fratura exposta ao cair da motocicleta. O segundo suspeito foi identificado apenas como Laércio que seria autor dos disparos e conseguiu fugir.
Baretta já localizou o endereço de Laércio, mas ele não estava e as diligências continuam. A polícia quer saber ainda quem estaria dando suporte aos assaltantes em um veículo.
O carro da vítima, Cobalt de placa OVW-7292 e a moto que os suspeitos andavam, uma Yamarra de placa PIE1754, foram apreendidos. Sobre a moto, Baretta informou que uma pessoa teria ido a Central de Flagrantes alegando ter sido sido roubado, e que trabalhava como mototaxista clandestino, mas ainda está investigando a informação.
A arma possivelmente usada no crime é um calibre 38, que ainda não foi apreendida.
Matéria original
O empresário Leandro César de Sousa Gonçalves, 37 anos, foi morto a tiros após reagir a um assalto no bairro Lourival Parente, zona Sul de Teresina. O assassinato ocorreu nas imediações de um dos depósitos de bebida da vítima. Os suspeitos estavam divididos em uma motocicleta e um carro de passeio e um foi preso. O plano dos criminosos seria roubar a quantia de R$ 21 mil que havia sido recolhida pela vítima, em uma de suas empresas.
Leandro Gonçalves ainda conseguiu atropelar os suspeitos que estavam na moto, mas acabou sendo alvejado com um tiro no pescoço por um dos comparsas que estava no carro.
Um dos suspeito, identificado como Francisco das Chagas Oliveira Filho, ficou com ferimentos graves na perna e foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT).
O pai da vítima- que preferiu não ser identificado- conta que o filho havia acabado de chegar da cidade de Demerval Lobão, onde também tem um depósito de bebidas. A família informou também que Leandro Gonçalves sempre visitava as empresas acompanhado de um segurança particular, mas na noite de ontem (20), estava sozinho. O segurança foi chamado para prestar depoimento na delegacia.
O empresário era casado e deixa duas filhas, uma de 18 e outra de 10 anos. A Polícia Civil conseguiu recuperar o dinheiro do empresário.



Cidade Verde

Nenhum comentário:

Postar um comentário