EBENET

EBENET
A sua melhor conexão

MP MOTO PEÇAS

MP MOTO PEÇAS

Dr.Batista

Dr.Batista

SALÃO 5 ESTRELAS

SALÃO 5 ESTRELAS

ÓPTICA LUZ

ÓPTICA LUZ
a luz dos seus olhos

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Suspeito de cortar mão de taxista em assalto é linchado até a morte no Piauí

Jovem foi linchado até a morte após assaltar taxista em Teresina (Foto: Gilcilente Araújo/G1)Um jovem identificado como Felipe Mendes Siqueira, 22 anos, foi linchado até a morte na noite dessa quarta-feira (27) no bairro São Pedro, Zona Sul de Teresina. Segundo a Polícia Civil, a vítima e outro rapaz são suspeitos de cortar a mão de um taxista durante assalto que ocorreu por volta 22h30. O fato provocou revolta entre um grupo de taxistas e teria motivado as agressões.
“Os suspeitos pegaram o táxi no bairro Saci e ao chegar no bairro São Pedro anunciaram o assalto. O taxista reagiu e teve uma das mãos cortada pelos criminosos, que conseguiram fugir. Mesmo ferido, o motorista conseguiu acionar pelo rádio outros colegas de trabalho e eles foram até a residência de um dos jovens”, relatou a polícia.

A aposentada Maria das Graças da Conceição, mãe de Felipe Mendes, contou que estava em casa com outros dois filhos quando ouviu as pancadas no portão. “Eles gritavam, eu avisava que o Felipe não estava, mas os taxistas continuaram empurrando o portão até derrubar. Eram cerca de 50 homens, alguns deles pularam o muro e invadiram a minha casa, enquanto o meu filho tentava fugir, mas quando saiu na rua ao lado foi pego e espancado”, contou.
Ainda de acordo com a mãe, um vizinho que é delegado viu a confusão e tentou separar os taxistas do jovem, mas ele já estava bastante ferido. A polícia informou que Felipe Mendes recebeu várias pauladas e perfurações no corpo, chegou a ser levado para o Hospital de Urgência de Teresina, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.
“Eu quero justiça, pelo menos a divina porque a humana não existe. Espero que as pessoas que invadiram a minha casa sejam punidas. Não foi o meu filho quem cortou a mão do taxista. Há sete anos ele andava com má companhia. Ele apanhou e morreu no lugar do verdadeiro culpado que está solto”, disse a aposentada.
Os policiais estiveram na casa da vítima na manhã desta quinta-feira (27) e relataram ter prendido ainda na noite de quarta-feira o outro rapaz que andava com Felipe. O suspeito de ter participado do assalto chegou a ser encaminhado para a Central de Flagrantes, mas como o taxista ferido não prestou queixa o rapaz foi liberado.


Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário